O tempo está invertido na Lusitânea-cacânea, o seu desenrolar extremado fá-la regressar a projecto mas não há progenitores para o levar avante

As declarações hoje proferidas por Vítor Gaspar são o assumir de quão pouco foi feito durante este semestre inicial de governação. Já tínhamos recebido avisos por parte de quem nos mantém à tona que haveria atrasos na implementação das reformas estruturais. Verdadeiramente não há atraso, nem se começou. Essas reformas estruturais só muito tenuemente passam pela alteração da legislação laboral, é irrelevante tornar mais fácil o despedimento se esse mesmo despedimento não for feito.

PPC de forma algo desajeitada já anunciou a única e verdadeira reforma que este triste país vai conseguir fazer, como sempre fez ao longo da sua história, a emigração em massa.

Uma vez esse êxodo iniciado será fundamental reafectar de forma muito profunda os recursos humanos remanescentes. Não parece haver outra alternativa, basta pensar que mesmo em países com estruturas produtivas mais aproximadas da exigência a frágil recuperação económica tem sido pautada pela quase inexistente recuperação do emprego, o fenómeno da “jobless recovery já descrito nos USA desde as minicrises do início deste século.

Se o euro acabar, a Lusitânea irá deslizar para uma recessão á volta de 40% e um regresso ao início dos anos oitenta mas com maiores dificuldades em assegurar o seu abastecimento. Se o euro sobreviver a perda da independência deste mal-tratado jardim aprofundar-se-á com a inevitável remissão de Portugal para o primeiro país de África na Europa.

Por muito que nos custe, por vezes somos testemunhas das consequências das nossas escolhas.

O projecto europeu para Portugal pode agora ser valorado sem erro como uma armadilha, sendo verdade que sempre acabámos por ter oportunidade de comer o queijo.

Desta vez Cavaco vê claro, o maior risco é realmente a implosão nacional.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s