Antes da revolução era assim!

Esta obra é caracterizada pelo seu tempo com alguns factos muito pouco comuns nos dias de hoje, a saber:

 

Foi construida, terminada e inaugurada dentro dos prazo e orçamento previstos. Isto significa que os custos não duplicaram e terminou em tempo útil. 

Com esta obra enriqueceram os Portugueses e mais ainda a grande Lisboa. De facto não se conhece que ninguém em particular, tenha enriquecido no percurso desta construção.

O Ministro das Obras Públicas de então, terminada a sua comissão de serviço público, não foi colocado no tacho de administrador da empresa da ponte.

No que me diz respeito, tive desde logo a consciência do que aí vinha, quando de um dia para o outro foi mudado o nome desta ponte de Ponte Salazar para Ponte 25 de Abril!

Foi e continua a ser um fartar vilanagem!

Mas torna-se imperativo que o povo Portugês não se mantenha nesta atitude resiliente e acabrunhada, deixando fazer tudo que apetece a esta cambada do dirigismo político do pós revolução, e pelo contrário, possa organizar-se com consciencia cívica de revolta, elevando ao poder quem de facto defenda os interesses desta Pátria de oito séculos!

Anúncios

Sobre Jorge G. Pereira

Sou Português, nascido no Porto, terra de tradição antiga e firme, de onde nasceu o nome de Portugal,
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s